quarta-feira, 16 de junho de 2010

Flores que devem ter dado um trabalhão a inventar

Nigella damascena

Se considerarmos todas as formas, em particular as orgânicas, descobrimos que não existe nenhuma coisa subsistente, nenhuma coisa parada, nenhuma coisa acabada, antes que tudo oscila num movimento incessante. (...)
O que está formado transforma-se de novo imediatamente e nós temos, se quisermos de algum modo chegar à intuição viva da Natureza, de nos mantermos tão móveis e plásticos como o exemplo que ela nos propõe.

Goethe . exerto de um texto em torno de  "A Metamorfose das Plantas"

4 comentários:

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Lindíssima :)

Jorge Pinto disse...

Le temps, ce grand sculpteur!
(Marguerite Yourcenar)

vera disse...

De facto ! e são tão efémeras depois desse trabalhão todo ! será essa a verdeira definição de beleza ?

Lara disse...

Deveras meio excêntricas mas belíssimas...