sexta-feira, 26 de janeiro de 2007

Passeio virtual (link)


Pelo Cental Park. E perceber que em Portugal, infelizmente, não existem parques públicos nem tão pouco gente interessada em que eles existam.
Algumas das mais importantes intervenções na manutenção e modernização do Central Park, são levadas a cabo pela sociedade civil. É o caso dos Strawberry fields, uma área do parque dedicada à memória de John Lennon.
Os prados do CP são cartão de visita da cidade e todos os conhecemos, nem que seja de um qualquer filme americano. O Sheep Meadow, um prado com cerca de 6 hectares recebe no Verão uma média de 30 000 visitantes por dia.

Gostava agora de "puxar a brasa à minha sardinha" sugerindo que aquela horrorosa e muito mal cuidada amostra de topiária que é o centro do parque Eduardo VII, seja transformada num prado. Era mais ecológico, mais barato, mais bonito, mais fácil de manter, mais útil, mais moderno, mais lógico....
Assim vai a topiária no Parque Eduardo VII
Se por alguma razão (que confesso não entender) insistirem em manter viva esta homenagem ao estado novo, então, aconselho vivamente a que aprendam a tratar dela.
(continua)

2 comentários:

Alexandre disse...

Como eu te percebo. (permita-me o trato na 2ª pessoa do singular). Não vivo em Lisboa, mas há uma notória ausência de verde e tranquilidade nas cidades portuguesas. Olhemos Londres...onde é possível atravessar grande parte desta...com pés pisando um qualquer royal park ou garden verde.

Ver disse...

Pois é Alexandre, aqui os verdes são tão poucos que até faz pena pisar.