domingo, 6 de dezembro de 2009

As Olaias e os homens


Fotografia de Lara Zee

Digam-me, por favor, que esta não foi uma das árvores abatidas no Príncipe Real, porque "cresceu mal". Pobres Olaias tão bonitas mas tão incompreendidas pelos homens.

Dois lugares onde se fala (e até se discute) o abate de árvore do Príncipe Real.
Aqui
Aqui

5 comentários:

vera disse...

sim, diz-me que nao e verdade por favor !

Tiago Taron disse...

temo que sim, pela sua localização, parece-me que corresponde a um dos cepos que lá estão. Não tenho porém a certeza e só amanhã, na posse do print desta fotografia, poderei esclarecer. Aliás o que eu gostaria de encontrar um arquivo de todas as árvores que foram abatidas. O que eu gostaria de o ter feito antes do que aconteceu. O que eu gostaria que o Senhor Vereador José Sá Fernandes "tivesse posto mesmo uma placa nelas", como gracejou para o Jornal Público quando confrontado com a falta de informação.

Maria José Lara disse...

Fico muito contente por a minha fotografia ter servido para o seu blog, mas ainda me custa acreditar no que estou a ler e que me deixa tristíssima.
Conheço uma pessoa que deverá ter muitas fotografias desse jardim.Posso contactá-la para saber se está na disposição de as ceder.

Jorge disse...

Ontem ainda lá estava, mas nada nos garante que hoje ou amanhã ainda esteja. Coitada, cresceu mal!

Rosa disse...

Obrigada, Maria José a sua fotografia é tão perfeita para mostrar que as árvores dos jardins não crescem mal (não sei se sabe mas esta foi uma dasinfelizes afirmações do nosso vereador dos espaços verdes) que não resisti.
Jorge, "ontem ainda lá estava" é uma óptima notícia! Resta-nos esperar que ainda lá esteja amanhã : )