terça-feira, 24 de julho de 2007

Ler





Tenho a sorte de passar as férias numa casa que guarda livros de muitas outras férias e onde existe um sótão, local quase mágico, onde se vão acumulando inutilidades de todas as espécies que inesperadamente, um dia, se transformam em verdadeiros tesouros. Foi durante as já habituais incursões por esse local, vagueando pelas estantes poeirentas que fui juntando os livros que me acompanham durante as férias. Destes livros, uns acabarei por não ler, outros são apenas para recordar, mas pode acontecer que algum se torne muito importante e volte das férias comigo por alturas da rentrée, os outros retornam ao seu estatuto de lidos, até que novamente alguém os descubra.

2 comentários:

bettips disse...

Um gosto! Fui ver os títulos. Ainda por cima, livros lidos, usados, pensados. Boas leituras e férias, Abç

Cristina disse...

Que legal! Faço muito isso. Descreveu a sensação quase idêntica que tenho quando passeio por um sebo, adoro sebos... muda o local, mas estantes empoeiradas com velhos livros é o cenário.