segunda-feira, 7 de maio de 2007

O Flecha



A guardar o meu maior tesouro. A minha reserva de plantas espontâneas.



Tuberaria guttata ou Xolanta gottata


E flores silvestres.

10 comentários:

Paulo disse...

Que simpático parece ser o Flecha.
E que linda a flor amarela.
A propósito, obrigado pela tentativa na Árvore com flores amarelas.

Elsa Castelo disse...

Que flor espantosa. O que será ?

Cris Bolbosa disse...

A nossa Natureza tem flores tão simples e donas de uma beleza imensa.
Obrigada por partilhá-la conosco.
Cris

Ver disse...

Paulo,
Até fui lá ver as flores amarelas, são mais pequenas do que eu as imaginei ao ver as fotografias, logo que saiba o que é digo.

Ainda não sei que flor é esta da fotografia é muito pequena e só encontrei duas.

Maria Lua disse...

Agora precisamos de toda a ajuda de quem ama as árvores e a natureza em geral - http://cidadanialx.blogspot.com/2007/05/petio-lisboa-tem-que-ser-ressarcida.html
Não podemos ficar em silêncio!
Obrigado.

Maria Carvalho disse...

A flor é de Halimium ocymoides.

Paulo disse...

O Halimium é uma cistácea, primo das estevas. Não conhecia esta variedade. Obrigado.
Quanto à dita árvore, as flores são maiores do que estão agora. Estive hoje na Torre de Belém e as pétalas já estão semi-encarquilhadas... e também ficaram de um tom amarelo-torrado. Antes, tinham um tom mais citronado.
Não a vi em nenhum outro local.

Ver disse...

É uma cistácea sem dúvida, quanto ao género estava preste a chamar-lhe Tuberária guttata mas mas pode ser a Halimium que a Maria referiu. vou procurar mais informação sobre as duas.

Afi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Afi disse...

Afi said...

Aproveito este post sobre flores silvestres para pedir ajuda na identificação de uma flor que fotografei e acho muito intrigante.
Fiquei com a impressão de tratar-se de uma mutação, porque existem flores iguais mas provenientes de uma planta diferente.
A quem puder elucidar, agradeço que coloque o comentário no post onde é exibida a foto, que é em:
http://haru-afi.blogspot.com/
2007/04/estranho-tapete-flor.html

Os meus agradecimentos.